Pesquisa

As questões políticas-teórico-metodológicas propostas pelo grupo têm sido trabalhadas por projetos individuais e coletivos tais como:

A terra e as questões emergentes na sociologia contemporânea: um programa de pesquisa

Equipe: Marcelo C. Rosa, Camila Penna, Jean  M. Moreira, Natalia A. P. de Sousa, Maria Luiza Muniz, Luiz Antonio Guerra 

Este projeto apresenta um programa de pesquisas a ser desenvolvido pelo pesquisador proponente e um grupo de orientandos de pós-graduação ligados ao Laboratório de Sociologia Não-Exemplar, cruzando temas centrais do debate sociológico contemporâneo e a chamada questão da terra. De forma mais específica, pretende-se associar as críticas aos limites da teoria sociológica tradicional para lidar com as chamadas sociedades do “sul”, com os dilemas que a sociologia tem enfrentado para compreender as questões da terra em países nos quais estas últimas mobilizam lutas sociais não necessariamente agrárias.

Terra para quem nela vive: estudo sobre as reivindicações dos moradores de fazenda na África do Sul Pós-Apartheid

 Equipe: Marcelo C. Rosa, Natalia A. P. de Souza, Matheus Ribeiro, Adalia Costa

Este projeto visa o estudo das reivindicações por terra de moradores negros de fazendas pertencentes a brancos na região de Kwazulu-Natal, África do Sul.  Nesta pesquisa pretendemos explorar as situações de conflito que têm por fundamento a reivindicação das famílias em permanecer nas terras que ocupam. Por meio destas situações analisaremos os sentidos e a importância da terra para a produção social deste grupo. Em termos metodológicos, são utilizadas pesquisas em arquivos de processos judiciais, entrevistas e relatos etnográficos de situações de conflito.